Notícias

Em 24.05.2018
18:30 | UNIVERSIDADE DE ÉVORA | Palácio Vimioso| Sala 205

No âmbito do II Seminário da Rede de Bibliotecas de Évora, subordinado ao tema "Bibliotecas em rede: gerir, preservar e divulgar" falamos com Fernando Gameiro, investigador do CIDEHUS da Universidade de Évora e coordenador da Rede de Bibliotecas de Évora (RBEV). Assumindo-se como uma rede da “dimensão da Cidade” esta, é a única rede portuguesa que integra bibliotecas de leitura pública, escolar e universitária. O catálogo oferece mais de 250 mil títulos, com acesso livre e disponíveis na internet.

Publicado em 18.05.2018

Mission & Objectives

The aim of the course is to provide participants with the knowledge and skills needed to conduct digital surveys in religious heritage sites through theoretical classes and practical activities. Based on real case studies, each participant will experience the entire process of 3d survey using the relevant equipment and technology: the field survey, data processing, rendering, interpretation and final presentation of the work. Participants will be guided by experienced tutors in all process stages.

The real case studies are 2 monasteries located in Alentejo region, about one hour away from Lisbon and situated around the UNESCO Heritage Site city of Évora.

​These monasteries were part of the Congregation of Saint Paul of Serra de Ossa (Ossa Mountain), which was founded in 1482, originated by an important eremitic movement called Homens da Pobre Vida (poor life men), documented since 1366. The community of hermits expanded up to the first half of the 15th century, mostly in southern Portugal in the Alentejo region. In 1578, following a process of institutionalization led by the Church, an autonomous congregation was set up, affiliated in the Hungarian Order of Saint Paul the First Hermit, until 1834, when the decree of dissolution of the religious orders disbanded all the convents and monasteries in Portugal.

 

Recipients

Advanced graduate or PhD student, post-doc, junior researcher in the fields of architecture, archaeology and engineering as well as professionals in the fields of Cultural Heritage and Historic Preservation, who are interested in obtaining fundamental knowledge and skills in survey methodology.

Maximum number of participants: 20

 

During the school the participants will be divided in groups, each group will be followed and conducted by a tutor. Participants are required to bring a personal laptop and a digital camera.

 

The summer school will be conducted in English, so participants should have a good command of the language.

 

Organization Committee

Alexandra Paio (DINÂMIA’CET-IUL; ISTAR-IUL)

João Luís Inglês Fontes (IEM - NOVA FCSH; CEHR-UCP)

José Saldanha (DINÂMIA’CET-IUL)

Luís Mateus (CIAUD-UL)

Paula André (DINÂMIA’CET-IUL)

Paulo Simões Rodrigues (CHAIA – UÉvora)

Rolando Volzone (DINÂMIA’CET-IUL)

Stefano Bertocci (DIDA – UNIFI)

 

Fees

Early Bird fee (Until 31st May)

Students: 150€

Non students: 250€

​Late Fee

Students: 200€

Non students: 300€

Registration Includes:

- 2,5 ECTS

- International conference;

- 1 coffee break;

- 4 masterclasses;

- transports from Lisbon to Évora;

- transports to the case study area;

- 1 lunch in a regional restaurant;

- final presentation

 

Info Request: arquitecturasdaalma@gmail.com

Registration

1 – Sign up at https://sge.uevora.pt  (a confirmation email will be sent to you in order to complete your registration)

2 – Login at https://sge.uevora.pt and then go to https://sge.uevora.pt/eventos/ver/484

3 – On the right side of the page choose “Register”

4 – After registration choose “Confirm Registration”

5 – After confirming your registration, select the option “Confirm Payment” and you will be asked for your billing details and the uploading of your proof of payment.

More information

https://www.dinamiacet.iscte-iul.pt/arquiteturas-da-alma-2018

De 23.05.2018 a 29.05.2018
ISCTE-IUL | UÉvora
De 24.05.2018 a 14.06.2018
Galeria de Exposições da Casa de Burgos (Évora)

 

PROGRAMA |  19 de Maio | 15:00 Património Cultural: Ciudadela inexpugnável - O Forte de Nossa Senhora da Graça | Ponto de encontro: Forte da Graça (Elvas) | Visita guiada por Margarida Ribeiro (arqueóloga) e Rui Jesuíno (historiador) | 21:30 Concerto Igreja Matriz de Nossa Senhora da Assunção (antiga Catedral) de Elvas | Guerra e Paz: A Trombeta Histórica na Música Barroca Europeia | Trombeta Histórica Vicente Alcaide | Órgão Abraham Martínez | Percussão Álvaro Garrido | 20 de Maio | 10:00 Salvaguarda da Biodiversidade: Através dos campos - A agricultura de conservação na região elvense | Ponto de encontro: Ermida de Nossa Senhora da Nazaré (Elvas) | Actividade orientada por Maria Gabriela Cruz (engenheira agrónoma), Rui Dias e Isabel Machado (geólogos) |  
De 19.05.2018 a 20.05.2018
Elvas

Decorrerá, na Universidade de Évora, no dia 16 de maio de 2018, o Seminário "Saúde e políticas sociais em Portugal e no Brasil: abordagens comparativas"

Em 16.05.2018
09:30 | Colégio do Espírito Santo | Sala 124

 

O Instituto de História Contemporânea (IHC – NOVA FCSH) e o Mémorial de la Shoah (Musée et Centre de Documentation, Paris), com o apoio da Memoshoá – Associação Memória e Ensino do Holocausto e do Instituto de Relações Internacionais (IPRI-NOVA), organizam umas Jornadas Abertas sobre a Shoá e outros genocídios e crimes de massa, a decorrer nos dias 15 e 16 de Maio, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa. Esta é uma das primeiras iniciativas, em Portugal, a abordar as memórias do Holocausto e de outros crimes de massa, contribuindo para uma análise crítica, transnacional e inter-geracional destas temáticas. Por isso, o público-alvo principal desta iniciativa são os estudantes de História e de Ciência Política, bem como de outras Ciências Sociais ou Humanas. As Jornadas contarão com a intervenção de historiadores e investigadores em Ciência Política de Portugal e França, que abordarão, entre outros temas: a questão da memória e do esquecimento; os refugiados na Europa nos anos 30 e 40; os perpetradores nazis; a visão do mundo nacional-socialista e a ideologia salazarista; a atitude de Portugal face à Shoá; as atrocidades em massa e outros genocídios, entre os quais de Timor Leste, do Ruanda e da ex-Jugoslávia; a violência em massa do estalinismo e a violência colonial. A inscrição é gratuita está aberta a todos e todas as interessadas, até ao limite dos lugares disponíveis.  As inscrições devem ser feitas para o email: jornadasshoah@fcsh.unl.pt. Haverá tradução simultânea. COORDENAÇÃO E MODERAÇÃO: Irene Pimentel (IHC – NOVA FCSH) |Esther Mucznik (Memoshoá) | Bruno Boyer (Mémorial de la Shoah) 
De 15.05.2018 a 16.05.2018
NOVA FCSH | Auditório 1

 

 

 


 

 

Em 14.05.2018
21:30 | Auditório Soror Mariana (Évora)
Ciclo de Conferências
Resistências: desafios de uma agenda historiográfica – 2018

Decorrerá, no dia 22 de maio de 2018, na Universidade de Lisboa, sessão do Ciclo de Conferências "O Atlântico Ibero-Americano (sécs. XVI-XX). Resistências: desafios de uma agenda historiográfica – 2018"

Em 22.05.2018
15:00 | Instituto de Ciências Sociais, Sala 1, Universidade de Lisboa